PT

Boracay, Filipinas

A piscina natural de um arquipélago tropical




Rodeada por uma paisagem tropical de uma beleza incrível e um mar azul-turquesa, a ilha Boracay, nas Filipinas, é uma das praias mais bonitas do mundo e perfeita para férias relaxantes.


O nome da ilha tem diversas origens. Uma história diz que deriva da palavra nativa ‘borac’, que significa ‘branco de algodão com características próximas à cor e textura da areia branca açucarada e em pó de Boracay’. Outra atribui o nome às palavras locais ‘bora’, que quer dizer ‘bolhas’, e ‘bocay’, que significa ‘branco’.


Com apenas sete quilómetros de comprimento, a ilha é tão pequena que pode ser percorrida de bicicleta ou de moto.
Mas, apesar da reduzida dimensão, é possível encontrar excelentes praias como a Yapak Beach (ou Puka), conhecida pelas lindíssimas conchas brancas, a White Beach, que oferece um pôr-do-sol inigualável e é a mais turística das praias e onde estão os grandes resorts, restaurantes, bares e cafés. Bulabog é o segundo centro turístico e mais procurado para a prática de desportos aquáticos; e Balinghai Beach, um local isolado, perfeito. A Praia de Puka é a segunda maior praia da ilha, de areias finas. É pouco visitada por não ter hotéis, mas apenas alguns restaurantes.


Bem à frente à ponte de Caticlan, na ilha de Panay, está a Praia de Cagban, próxima à estação de Cagban, o principal ponto de entrada e saída da ilha. Às vezes, quando os ventos e o mar estão mais agitados, a praia de Tambisaan é um acesso alternativo.


Outra grande atracção de Boracay é o campo de golfe de classe mundial, com 18 buracos, do Fairways & Bluewater. Se quiser divertir-se, dançar ao som da música da região, o lugar perfeito é o Bom Bom Bar, que tem sempre música ao vivo para dançar durante a noite inteira. O Willys Rock é uma atracção excepcional e única em Boracay, uma magnífica formação rochosa, resultado das actividades vulcânicas e que fica longe da agitação do centro de Boracay. É um bom lugar para relaxar, por ser muito tranquilo.


Durante a maré baixa, transforma-se numa mini ilha e, na maré alta, aparece apenas a parte superior da rocha.
O Monte Luho, com uma altura de mais de cem metros, é considerado o ponto mais alto de Boracay. Daqui, podem observar-se as vistas mais exóticas e naturais de Bolabog Beach. Uma das melhores maneiras de subir a montanha é ir de bicicleta de montanha ou contratar um motociclista.


Durante a noite, Boracay é iluminada com castelos de areia à luz de velas, restaurantes e bares que ficam abertos até à madrugada. É possível conhecer a ilha de ponta a ponta em apenas três horas de passeios de barco à vela.

Fonte: aproximaviagem.com


O que comer

O arroz está presente em quase todos os pratos filipinos e prepara-se de várias maneiras, como sobremesa ou prato principal. O prato nacional é o leitão recheado de papaia e folhas de tamarindo e assado na brasa. A pimenta, o alho e o gengibre são especiarias habituais. Por ser um país essencialmente marítimo, o marisco tem um papel primordial na gastronomia. Destacam-se os camarões, a lagosta da pedra, os caranguejos, as ostras e as lulas, quase sempre preparados na grelha. A sobremesa por excelência é o halo-halo, uma mistura de coco, gelo e gelado de leite. Entre a fruta está a manga doce, que se serve acompanhada de gelo picado.


Onde ficar

Há opções de hotéis e outras hospedagens na Ilha, como o Villa Caemilla Beach Boutique Hotel, com quartos mobilados de forma luxuosa e decorados em tons suaves, equipados com ar condicionado, televisão de ecrã plano, mini-frigorífico e área de estar. Há ainda o Hotel Soffia, situado numa colina, que oferece vistas espectaculares do oceano. Dispõe de acesso Wi-Fi gratuito, uma piscina exterior e serviço de transporte gratuito para a praia Branca. A piscina exterior oferece vistas deslumbrantes sobre o mar e a colina.


Como ir

Não há voos directos de Luanda para as Filipinas. A solução passa por uma paragem em Londres, na Inglaterra, ou em Frankfurt, na Alemanha, ou ainda em Madrid, na Espanha. O bilhete de ida custa mais de mil dólares.

» LEIA TAMBÉM

» Deixe o Seu Comentário