PT

Copenhaga, Dinamarca

Entre o velho e o novo mundo




A cidade passou por uma forte transformação cultural e é considerada um dos destinos mais procurados. Com uma variedade de museus entre outras várias atracções turísticas. Copenhanga, capital da Dinamarca, reúne belos castelos e todo o encanto que se pede a uma realeza. É a combinação perfeita do velho e do novo mundo, onde o passado está presente, e caracterizada por uma arquictetura única.


O maior símbolo da cidade é a estátua da Pequena Sereia, feita em 1913. Com mais de um metro de altura, a estátua de bronze encontra-se numa pedra no porto da cidade. É baseada no trágico conto de Hans Christian Andersen, sobre uma sereia que se apaixona por um príncipe humano. O conto foi traduzido em mais de 150 línguas e adaptado em desenhos animados pela Disney.


O Castelo Rosenborg ou Palácio das Rosas é assim chamado em memória da esposa do rei Christian IV, que tinha três rosas no brasão de família. O castelo acolhe um acervo com objectos da família real. O Zoológico de Copenhaga, um dos mais antigos da Europa, foi fundado em 1859 e tem uma área de mais de 10 hectares. É um dos mais visitados no mundo e a quarta atracção mais visitada na Dinamarca.


O Parque de diversões Tivoli, inaugurado em 1843, é o segundo parque de diversões mais antigo do mundo. Mais do que um simples parque temático, traz música ao vivo todos os dias em diversos espaços e conta com alguns dos melhores restaurantes da cidade. O Museu Nacional ou Nationalmuseet é o mais importante da cidade. Está dividido em três andares com diversas secções voltadas para temas específicos: pré-história, idade média, renascimento, antiguidades do Oriente Médio e história da Dinamarca.


A Igreja de Mármore foi construída para comemorar os 300 anos da primeira coroação de um membro da Casa da Oldemburgo. A estrutura permaneceu em ruínas por quase 150 anos. A igreja possui o maior domo entre todas as igrejas da Escandinávia com mais de 30 metros. Acredita-se que o domo foi inspirado pela Basílica de São Pedro, em Roma. O Museu CarlsbergGlyptothek foi fundado a partir da colecção de Carl Jacobsen, filho do fundador da cerveja Carlsberg. A colecção do museu inclui antiguidades egípcias, gregas e romanas, como esculturas românticas, pinturas impressionistas e pós-impressionistas.


A Biblioteca Real de Copenhaga ou ’Diamante negra’ encanta pela sua arquitectura, uma mistura de arquitectura moderna e antiga.Outros locais para visitar são a Catedarl da Nossa Senhora, a casa de ópera, o estádio Parken entre outros.

Fonte: viajarentreviagens.pt

» LEIA TAMBÉM

» Deixe o Seu Comentário