PT

Hipertensão nos mais jovens começa a ser “preocupante”

Por Celaide Faustino  /  Foto DR

Apesar de em Angola a hipertensão arterial atingir principalmente uma faixa-etária de indivíduos adultos, a ocorrência da doença nos mais jovens é um facto que está a tornar-se preocupante, afirmou hoje o presidente da Sociedade Angolana de Doenças Cardiovasculares, Mário Fernandes, durante o 2.º Congresso Angolano de Cardiologia e Hipertensão. Entre as causas surgem o consumo excessivo de bebidas alcoólicas nos jovens e a obesidade nas crianças.

Para evitar a doença, sobretudo nos mais jovens, Mário Fernandes recomenda “ser importante não abusar do álcool”, sendo que, nas crianças, a atenção recai para os pais ou encarregados de educação que “devem cuidar melhor da alimentação dos filhos e sobretudo educá-los a ter uma alimentação saudável, que passa pelo aumento de verduras na dieta e diminuir os fritos e os doces”.
Em Angola, aproximadamente dez por cento da população de indivíduos adultos, sobretudo das zonas urbanas, sofre de hipertensão arterial, garantem os organizadores do congresso, baseando-se em estudos.

» LEIA TAMBÉM

» Deixe o Seu Comentário